Noticias Politicas, noticias de Paranatama, Noticias do Agreste, Noticias de Garanhuns

sábado, 17 de dezembro de 2016

Armando Monteiro recebe título de cidadão de Belo Jardim

Em uma noite de festa, o senador Armando Monteiro (PTB) recebeu, na sexta-feira (16), o título de cidadão de Belo Jardim, no Agreste pernambucano. A solenidade ocorreu na Câmara de Vereadores da cidade. Na mesma ocasião, lideranças históricas do município, como o ex-prefeito Cintra Galvão e o ex-deputado federal José Mendonça – este representado pelo filho, o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM) –, foram agraciados com a medalha de Orgulho Belo Jardinense. Outras nove personalidades da cidade também agraciadas com honrarias na cerimônia.

Em seu discurso, Armando Monteiro agradeceu o título e reafirmou o seu compromisso com o desenvolvimento de Belo Jardim. “Serei mais do que nunca devedor do povo dessa terra. E quero a partir de agora trabalhar para que possamos retribuir esse carinho e essa manifestação de confiança, que se traduziu na concessão desse título. Vou guardar para sempre essa honraria muito importante para a minha vida pública”, disse o petebista. A solenidade contou com a presença do ex-governador João Lyra Neto (PSDB).

Armando fez questão de fazer uma homenagem especial às figuras de Cintra Galvão e José Mendonça, destacando a importância dos dois líderes políticos para Belo Jardim e Pernambuco. “Saúdo a dois belo jardinenses, que são duas figuras importantes, cada um na sua circunstância. São dois grandes benfeitores dessa terra. Esses homens têm um grande amor por essa terra e são referências na política de Pernambuco”, afirmou o senador.

O título de cidadão concedido pela Câmara de Vereadores a Armando Monteiro foi de iniciativa do vereador Nen Cabeludo (PRB). O parlamentar argumentou que a honraria foi em reconhecimento aos serviços prestados pelo senador em favor do desenvolvimento do município. “Ao longo dos últimos anos, o senador Armando Monteiro contribuiu para o crescimento de nossa cidade, ajudando a trazer investimentos e qualificação para a população de nossa terra”, explicou Nen Cabeludo.