Motos ‘cinquentinhas’ que forem adquiridas a partir de agora passam a ter emplacamento obrigatório

Motos ‘cinquentinhas’ que forem adquiridas a partir de agora passam a ter emplacamento obrigatório
Uma notícia importante: as motos ‘cinquentinhas’ que forem adquiridas a partir de agora passam a ter emplacamento obrigatório. Aqui em Pernambuco não será cobrado o IPVA, tendo em vista que se trata de um meio de transporte popular. Apenas serão exigidas as taxas de licenciamento e do seguro obrigatório, que garante indenização às vítimas em caso de acidente. O emplacamento dessas motocicletas é fundamental para segurança das pessoas e dos próprios donos dos veículos.
No ano passado, 75% dos acidentes em vias públicas envolveram motociclistas. Com a regulamentação, a conscientização do condutor em seguir as leis de trânsito e a intensificação da fiscalização, esta porcentagem só tende a cair, diminuindo também o total de acidentes registrados em nossas ruas, avenidas e rodovias.
Por uma questão de justiça, as cinquentinhas continuarão isentas da cobrança do IPVA e seus condutores podem se inscrever anualmente no programa CNH Popular para obter sua carteira de habilitação. Só neste ano, 18 mil pessoas em condição de vulnerabilidade social foram selecionadas para tirar gratuitamente o documento. Desde o início do programa, em 2008, mais de 100 mil pernambucanos tiveram direito ao benefício.

Postagens mais visitadas deste blog

Lamentável: Jovem de Paranatama morre em acidente de moto

O município de Paranatama está de luto com a morte de Cinalda Lima

Governo de Pernambuco decretou situação de emergência em 62 municípios do interior, Paranatama, Saloá e Capoeiras estão na lista