Governo do Estado implanta programas contra desertificação e ganha prêmio da ONU

Governo do Estado implanta programas contra desertificação e ganha prêmio da ONU

Os projetos de Zoneamento das Áreas Vulneráveis à Desertificação e de Implantação de Módulos de Manejo Sustentável da Agrobiodiversidade, integrantes do Programa Caatinga Sustentável ganham reconhecimento internacional. Lançadas pelo Governo do Estado, através da Secretaria do Meio Ambiente e sustentabilidade (Semas), os projetos são resultados da preocupação do Governo com o meio ambiente e as ações têm como foco o controle da desertificação, uma vez que 90% do território pernambucano estão sujeitos ao processo de desertificação no Semiárido.

Para secretário estadual de Meio Ambiente, Carlos Cavalcanti, a premiação ratifica o trabalho que a Governo do Estado vem fazendo e funciona com um estímulo para expandi-lo a outras áreas., declarou o secretário estadual de Meio Ambiente, Carlos Cavalcanti. Além disso, segundo o secretário, os prêmios vão ajudar na captação de recursos para outros projetos.

O Programa Caatinga Sustentável prevê ações integradas de segurança hídrica, alimentar, energética, ambiental e de capacitação em três projetos distintos, sendo as mais importantes o Mapeamento das Áreas Vulneráveis ao Processo de Desertificação e Implantação de Módulos de Manejo Sustentável da Agrobiodiversidade. Segundo o secretário, foram analisadas imagens de satélite de alta resolução para identificar as regiões mais degradadas.

No que se refere àImplantação de Módulos de Manejo Sustentável da Agrobiodiversidade. Os trabalhos foram desenvolvidos no entorno das unidades de conservação e dos arranjos produtivos adequados a cada comunidade, a exemplo da produção de mel entre outras atividades sustentável.

O secretário lembra que, no mês de maio, um poço artesiano foi inaugurado em Carnaíba, no Sertão do Pajeú, beneficiando diretamente 30 famílias. Também foi lançado o primeiro Módulo de Manejo Sustentável da Agrobiodiversidade e promovida uma capacitação de 80 agricultores e professores do município para combate ao avanço do processo de desertificação.

Fonte: Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade

Foto: César de Almeida

Postagens mais visitadas deste blog

Lamentável: Jovem de Paranatama morre em acidente de moto

Janailton Roldão foi encontrado morto em apartamento em Garanhuns

O município de Paranatama está de luto com a morte de Cinalda Lima